22 de junho de 2024

Brasil condena invasão de embaixada do México em Quito e afirma que ação gera ‘grave precedente’

Facebook
Twitter
WhatsApp

O Brasil condenou, em nota divulgada neste sábado, a invasão da embaixada do México, em Quito, por policiais equatorianos, para prender o ex-vice-presidente do Equador, Jorge Glas. Segundo o comunicado, a ação “constitui grave precedente”.

“O governo brasileiro condena, nos mais firmes termos, a ação empreendida por forças policiais equatorianas na embaixada mexicana em Quito na noite de ontem, 5 de abril”, diz um trecho da nota.

“A medida levada a cabo pelo governo equatoriano constitui grave precedente, cabendo ser objeto de enérgico repúdio, qualquer que seja a justificativa para sua realização”, destaca o comunicado. ‎

Na avaliação de Brasília, a medida foi uma clara violação à Convenção Americana sobre Asilo Diplomático e à Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas — que, em seu artigo 22, estabelece que os locais de uma missão diplomática são invioláveis e só podem ser acessados por agentes do Estado receptor com o consentimento do chefe da missão.

Solidariedade a Obrador

Em uma rede social, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva manifestou solidariedade ao presidente do México, Andrés Manuel López Obrador. A nota divugada pelo governo brasileiro também se posiciona ao lado do governo mexicano.

“Toda minha solidariedade ao presidente e amigo Lopez Obrador”, escreveu Lula.

Na sexta-feira, a chanceler mexicana, Alicia Bárcena, anunciou o rompimento das relações com o Equador.

“Dada a flagrante violação da Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas e os ferimentos sofridos pelo pessoal diplomático mexicano no Equador, o México anuncia o rompimento imediato das relações diplomáticas com o Equador”, escreveu a chanceler em uma rede social.

Compartilhe

Picture of Alerta Notícia

Alerta Notícia

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail

Whatsapp – 69 992491509

E-mail –[email protected]

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br