16 de junho de 2024

Funcionário da JBS é preso por furtar ‘pedras de fel’ avaliadas em R$ 2 milhões

Facebook
Twitter
WhatsApp

Na tarde de ontem (quarta-feira, 17), a Polícia Civil de São Miguel do Guaporé, em Rondônia, prendeu em flagrante um funcionário da do Frigorífico JBS, que vinha, mediante abuso de confiança, praticando reiterados furtos de pedras preciosas da empresa, causando prejuízo milionário.

Segundo o Delegado Lucas Alonso Favarin, que coordenou as investigações, o infrator vinha sendo investigado há vários dias, e após coleta de elementos informativos evidenciando a prática delitiva, foi representado pela medida cautelar de busca e apreensão.

 

Durante a operação, o suspeito foi abordado saindo do seu local de trabalho (Frigorífico JBS), tendo sido apreendido com ele várias pedras preciosas e quase dez mil reais em dinheiro.

A busca foi cumprida simultaneamente em 03 endereços do suspeito, sendo que em uma de suas fazendas foi encontrado meio quilo de pedras preciosas, várias joias e um arsenal de 06 armas de fogo (sendo quatro irregulares – sem registro), além de mais de 100 munições.

A res furtiva apreendida está avaliada em aproximadamente R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais).

Foi autuado pelos crimes de furto qualificado, em continuidade delitiva, e posse irregular de arma de fogo, tendo sido recolhido à cadeia pública local, encontrando-se à disposição da justiça.

A operação contou com um efetivo de 10 policiais civis. Segundo informações de representantes da vítima, em razão dos furtos praticados pelo suspeito, estima-se um prejuízo na casa de dois milhões de reais.

TESOURO BOVINO

Pela fotografia enviada pela assessoria da Polícia Civil de Rondônia, que divulgou a prisão, é possível perceber que as “pedras preciosas” apreendidas são conhecidas como “pedra de fel”, e tem alto valor.

Compartilhe

Picture of Alerta Notícia

Alerta Notícia

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail

Whatsapp – 69 992491509

E-mail –[email protected]

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br