22 de junho de 2024

Silvia Cristina e Jaime Bagattoli de malas prontas para mudar para o PP de Ivo Cassol

Facebook
Twitter
WhatsApp

Tem o plano B. Caso Cassol não possa concorrer a governador em 2026, pode lançar Silvia Cristina ou Jaime Bagattoli. Os dois só não mudam de partido imediatamente devido à questão da fidelidade partidária

A passagem de comando do PP em Rondônia para o ex-governador Ivo Cassol está movimentado os bastidores políticos. Com a presidência do partido assegurada, a movimentação ainda não parou. Cassol já teria chamado a deputada federal Silvia Cristina (PL-RO) e o senador Jaime Bagattoli (PL-RO).

De acordo com o que circula, Ivo Cassol está se preparando para ser candidato ao governo em 2026, devendo lançar Silvia Cristina como candidata ao Senado. O nome dela tem crescido muito em Rondônia. Ela tem atendido diversos setores com emendas parlamentares, mas o que mais tem chamado a atenção é o que tem sido feito na área de saúde, salvando vidas.

E, de acordo com o que apurou o Entrelinhas, existe um plano B. Caso Ivo Cassol não possa ser candidato em 2026, o PP lançará Silvia Cristina ou Jaime Bagattoli. Irá quem estiver em melhores condições. E quem conhece Ivo Cassol sabe que será o próprio Ivo quem decidirá quem está em melhores condições.

O Entrelinhas também apurou que esses rumores políticos estariam partido do próprio Ivo Cassol, e ele é uma fonte segura. Quando começaram a noticiar a mudança no comando do PP, foi porque Cassol autorizou que a informação “vazasse”. Não adiantou que negassem o fato. A situação já havia sido definida com Ivo.

Agora, novamente “vazem” outras informações, e a fonte seria mais uma vez o próprio Ivo Cassol, que teria interesse em que todo mundo fique sabendo de seus planos.

Conforme o que circula nos bastidores políticos, Silvia Cristina é muito querida no PL, por isso a direção nacional insistirá para que ela fique. Ela também é próxima a Jair e Michele Bolsonaro, que pedirão voto para ela em uma candidatura ao Senado.

O problema de Silvia Cristina ficar no PL seria o senador Marcos Rogério, o presidente estadual do partido. Marcos Rogério é considerado inconfiável, e Silvia provavelmente lhe tira a vaga de senador. Ele não vai querer que ela se candidate ao Senado, por isso a tendência é que Silvia deixe a mala pronta e se mude para o PP de Ivo Cassol quando abrir a janela partidária.

Jaime Bagattoli e Marcos Rogério não se entendem faz tempo, mas recentemente ainda teriam brigado. Isso teria acontecido quando a direção nacional tirou Bagattoli do comando do PL em Rondônia, e em seu lugar colocou Marcos Rogério.

Bagattoli não tem razão nenhuma para continuar no PL, e se identifica muito com Ivo Cassol, principalmente devido à sua atuação no agro. Assim, deve mudar de partido logo, pois para senador não há infidelidade partidária.

Ivo Cassol também deverá se movimentar para eleger o máximo possível de prefeitos nas eleições deste ano. O caldeirão político está fervendo. Cassol colocou bastante lenha na fogueira.

FONTE: AUTOR: SALINANILT

Compartilhe

Picture of Alerta Notícia

Alerta Notícia

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail

Whatsapp – 69 992491509

E-mail –[email protected]

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br