22 de junho de 2024

Vereador de Porto Velho resolve dar uma de Ana da 8 e vende metade do mandato

Facebook
Twitter
WhatsApp

Pré-candidato e chefe de gabinete de um vereador saem “na porrada” dentro da Câmara. A segurança parou o combate

Tribunal de Contas do Estado condena 44 vereadores e ex-vereadores da capital ao pagamento de multa

para que a prefeitura ingresse na Justiça com ações de cobrança. O que deve ter de vereador chorando não está no gibi.

Mandato

O escândalo que envolveu a ex-deputada estadual Ana da 8 está se repetindo na Câmara dos Vereadores de Porto Velho. Dessa vez um vereador resolveu vender metade do mandato. O agiota concordou em entregar o dinheiro para a campanha, mas exigiu que a dívida seja reconhecida em cartório. Vai dar Polícia Federal.

Sem apoio

O caso é que o vereador trabalhou pouco, mas quer ser reeleito. Ele não tem mais o apoio de um ex-deputado estadual como antes, quando contou com estrutura e com dinheiro. Sem estrutura, sem dinheiro e sem trabalho, o vereador resolveu recorrer a um agiota, mas o assunto acabou vazando, chegando aos ouvidos dos adversários.

PF

A equipe do Entrelinhas não é melhor informada do que a Polícia Federal. Se os blogueiros sabem, é claro que os policiais souberam antes. Há algum tempo o blog vem alertando que na Câmara de Vereadores de Porto Velho aconteceu coisas que merecem investigação da Polícia.

Na porrada

Recentemente um empresário pré-candidato a vereador saiu “na porrada” com o chefe de gabinete de um vereador, também na Câmara Municipal de Porto Velho. O pré-candidato reclamou da sujeira existente no gabinete. Ele não estava falando de negócios enrolados, e sim de falta de higiene mesmo. O chefe se irritou e os dois trocaram socos. Coisa horrível.

Armado

O pior é que o chefe de gabinete ainda estava armado, e por muito pouco não aconteceu uma tragédia. A segurança da Câmara conseguiu parar o combate. Tanto o empresário quanto o chefe de gabinete saíram com hematomas. O vereador dono do gabinete é aquele que não paga as contas e vive fugindo dos credores.

Multa

Vereadores de Porto Velho vez ou outra cometem irregularidades. Por conta disso o Tribunal de Contas do Estado multou 44 vereadores e ex-vereadores, e ainda por cima deu prazo de 90 dias para que a prefeitura ingresse na Justiça com ações de cobrança. O que deve ter de vereador chorando não está no gibi.

Correção

O TCE ainda alertou a prefeitura de Porto Velho sobre a critério de corrigir os valores das multas. O Município também deve informar sobre os respectivos pagamentos. Parece que a coisa não está fácil para alguns dos que desejam manter o mandato. Precisam gastar na campanha e ainda por cima pagar a multa.

Por Nilton Salina

Compartilhe

Picture of Alerta Notícia

Alerta Notícia

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail

Whatsapp – 69 992491509

E-mail –[email protected]

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br